A Escravidão Moderna

“Não existe pior escravo do que aquele que falsamente acredita estar livre.”
— Johann Von Goethe

tumblr_m4gt74Oviu1qknzn8o1_500Poucos dos que leem isso percebem que são elas as pessoas as quais Goethe se referia, vemos nos outros, mas recusamos aceitar ver o que está em nós mesmos.

“A Servidão Moderna” é um livro e um documentário de 52 minutos produzidos de maneira completamente independente. O objetivo principal deste filme é de por em dia a condição do escravo moderno dentro do sistema totalitário mercante e de evidenciar as formas de mistificação que ocultam esta condição subserviente. Ele foi feito com o único objetivo de atacar de frente a organização dominante do mundo.

A servidão moderna é uma escravidão voluntária, consentida pela multidão de escravos que se arrastam pela face da terra. Eles mesmos compram as mercadorias que os escravizam cada vez mais. Eles mesmos procuram um trabalho cada vez mais alienante que lhes é dado, se demonstram estar suficientemente domados. Eles mesmos escolhem os mestres a quem deverão servir. Para que esta tragédia absurda possa ter lugar, foi necessário tirar desta classe a consciência de sua exploração e de sua alienação. Aí está a estranha modernidade da nossa época. Contrariamente aos escravos da antiguidade, aos servos da Idade média e aos operários das primeiras revoluções industriais, estamos hoje em dia frente a uma classe totalmente escravizada, só que não sabe, ou melhor, não quer saber. Eles ignoram o que deveria ser a única e legítima reação dos explorados. Aceitam sem discutir a vida lamentável que se planejou para eles. A renúncia e a resignação são a fonte de sua desgraça.
— Jean-François Brient

 

Dublado

Legendado

Compartilhar:

About Bernardo Sommer

Tudo que sei é que nada sei, pois o certo é duvidoso mas a duvida é certa. Mantenho a mente aberta.