A Jornada Instrutiva

ajornadainstrutivaInspirado por biografias de grandes célebres que lia na Wikipedia, o autor australiano Gavin Aug Than criou coragem para ir em busca do que queria fazer de verdade. Designer gráfico durante oito anos, Gavin abandonou o emprego para se dedicar às suas verdadeiras paixões: ilustrar, ação e cartum. Nunca mais olhou para trás.

As citações, a aptidão para o desenho e a vontade de compartilhar sua paixão com os outros levaram-no a criar o site que agora é reconhecido mundialmente. O Lápis Zen (Zen Pencils, no original) foi destaque nos principais jornais e nomeado um dos 100 melhores sites de 2013 pela PC Magazine.

O Lápis Zen possui atualmente mais de 140 quadrinhos, resolvi fazer uma série de postagens das histórias que mais combinam com o conteúdo do Despertar Coletivo, que também são as minhas favoritas. São quadrinhos inspiradores e repletos de ensinamentos profundos, todos eles foram traduzidos e adaptados pelo pessoal do Outros Quadrinhos, lá você também encontra outras tiras incríveis, não deixe de conferir.

No terceiro quadrinho da série Lápis Zen, A Jornada Instrutiva trás a citação genial de Mark Twain, que nos revela a importância da viagem, como novas experiências podem quebrar todas as barreiras e ser realmente enriquecedor para a vida de qualquer ser humano, principalmente para aqueles com “mentes fechadas”.

Mark Twain foi um grande escritor e humorista norte-americano. Seu raciocínio perspicaz e suas sátiras incisivas renderam-lhe a admiração de muitas pessoas e o enaltecimento dos críticos. Ele foi reconhecido como o “maior humorista americano de sua época” e talvez tenha sido o primeiro comediante de stand-up.




A Jornada Instrutiva

Compartilhar: