A Revolução da Consciência

revolução da consciênciaPode a mente humana ultrapassar os limites do cérebro, indo além do tempo e do espaço, revelando a existência de capacidades espirituais, paranormais e transpessoais? Pode a consciência sobreviver à morte? É a mente humana parte de uma consciência universal, ou é somente fruto da atividade cerebral? O que a ciência e os cientistas do século XXI têm a nos dizer acerca destas questões e inúmeras outras, sobre a natureza da mente humana e suas capacidades?

No livro A Revolução da Consciência, reúnem-se os maiores pesquisadores e pensadores mundiais da consciência, para responder com suas ideias e estudos científicos a estas prementes questões. Suas respostas são tão surpreendentes e insólitas, que podem ter alterado dramaticamente o curso da cultura e da civilização ocidental.

Pela segunda vez na história humana estamos testemunhando um renascimento, fruto de uma poderosa efervescência cultural que nos forneceu condições científicas para finalmente entender a natureza e a vastidão da consciência. Desde o século XVII, a questão da consciência foi sendo progressivamente relegada a um plano secundário, mas graças às modernas pesquisas realizadas no campo das neurociências, tornou-se na atualidade o principal tema de estudo e discussão.

Nesta obra, os autores aprofundam-se na pesquisa da consciência normal e dos estados alterados de consciência, em que a mente transcende o espaço-tempo, revelando de maneira surpreendente a existência de capacidades ocultas em todos nós.  Esta revolução da consciência está nos conduzindo a uma nova visão de nós mesmos e a um novo significado da vida, de nosso lugar e propósito no universo.

Confira um trecho extraído da apresentação do livro, por Francisco Di Biase:

Desde Descartes no século XVII, a questão da natureza da consciência foi sendo progressivamente relegada a um plano secundário, sendo praticamente esquecida pelos meios acadêmicos nos últimos séculos. Graças às modernas pesquisas nos campos das Neurociências, Física Quântica, Dinâmica Cerebral Holográfica e Teoria da Informação Quântica, Psicologia Transpessoal e Cognitiva, Inteligência Artificial e Ciências da Computação, Parapsicologia, Cosmologia e Filosofia da Mente, a consciência tornou-se na atualidade um dos principais temas de estudo e discussão da ciência.

A consciência não é um problema científico qualquer, pois é a nossa própria consciência que queremos entender. A compreensão de sua natureza pode nos conduzir a uma nova visão de nós mesmos e de nosso lugar no universo. Pela primeira vez na história humana, temos as condições científicas necessárias para entendermos a consciência e sua relação com o universo.

Richard Amoroso, organizador do livro nos Estados Unidos, levanta o problema da consciência com as seguintes indagações: “Como pode a consciência surgir no universo?” “É a consciência um fenômeno emergente dos processos cerebrais, ou é o cérebro um fenômeno emergente da consciência?”



Os autores, todos experts em estudos da consciência, sintetizam os desenvolvimentos e as múltiplas perspectivas resultantes do moderno estudo da consciência, revelando dimensões que a cultura ocidental somente agora está começando a compreender. Stanislav Grof, um dos criadores da Psicologia Transpessoal, afirma neste livro: “As experiências transpessoais têm muitas características estranhas que rompem todas as premissas metafísicas mais básicas do paradigma cartesiano-newtoniano e da visão materialista do mundo”. É este aspecto revolucionário, e ao mesmo tempo fundamentador, do emergente paradigma holístico, que a meu ver, torna este livro único.

Encontramo-nos neste início de milênio, em um ponto de mutação da cultura ocidental, em que os pilares da ciência acadêmica do século XX, tais como a física newtoniana e a neurociência mecanicista do funcionamento cerebral e da consciência, estão sendo minados por uma moderna ciência holística de natureza sistêmica, quântica e não-reducionista, que vem solucionando o antigo dualismo cartesiano que separou mente e matéria, e homem e universo. É neste contexto que situamos este livro, como a mais atual e abrangente obra acerca dos modernos estudos da consciência já publicada no Brasil. Sua leitura proporciona ao leitor um salto quântico, revelando de modo elegante e paradigmático o padrão holístico que une matéria, vida e consciência à consciência universal e à dimensão espiritual.

Entre os autores deste volume estão alguns dos maiores expoentes mundiais da área de estudos da consciência, como Stanislav Grof, psiquiatra, um dos pais da Psicologia Transpessoal; Karl Pribram, neurocientista criador da Teoria Holonômica do funcionamento cerebral; Ruppert Sheldrake, biólogo e parapsicólogo, criador da Teoria dos Campos Mórficos; Amit Goswami, físico quântico, criador de uma teoria quântica da consciência; e Richard Amoroso, psicólogo e cosmologista do Noetic Advanced Studies Institute, da Califórnia, criador da Teoria do Campo Noético da Consciência.

(Créditos: Espiritualidade e Ciência | Imagem: Agsandrew)

Compartilhar: